Aplicações

Alimentar

Operando nos ambientes com as mais elevadas exigências higiénicas e sanitárias.

A indústria da carne é um dos sectores onde a palete de plástico está mais estabelecida devido fundamentalmente às condições de higiene exigidas pelas diferentes legislações aplicáveis, entre as quais cabe destacar a diretiva HACCP. Em ambientes onde a limpeza e a higiene são muito estritas, a palete de plástico tem um papel fundamental graças ao qual pode ser facilmente lavada após cada utilização e não pode ser penetrada por líquidos ou outros elementos do processamento produtivo.

À medida que o sector das carnes foi crescendo, consolidando e adaptando os seus processos para dar resposta à procura de um consumidor cada vez mais exigente e um mercado muito regulado, foram sendo desenvolvidos standards de qualidade muito exigentes que asseguram as melhores condições para o seu processamento. Na maioria das vezes, a manipulação da carne e frango é realizada mediante caixas de plástico de dimensões estandardizadas e cuja matéria-prima dispõe de uma certificação para uso alimentar. Estas caixas são embalagens secundárias que estão em contacto direto com o alimento, e sempre que são utilizadas, são limpas adequadamente para a sua próxima reutilização.

As caixas com o seu conteúdo são manipuladas, armazenadas e transportadas em cima de paletes. Estas paletes convivem e transitam com as caixas nas mesmas salas onde se manipula o produto elaborado, pelo que se se pretender garantir um ambiente higiénico, é importante que as paletes cumpram certas condições de higiene.

"As paletes de plástico são impermeáveis, pelo que no seu interior não podem nidificar bactérias e/ou parasitas que possam contaminar de forma acidental os alimentos processados."
aplicacion_carnica.jpg

As paletes de plástico são impermeáveis, pelo que no seu interior não podem nidificar bactérias e/ou parasitas que possam contaminar de forma acidental os alimentos processados. Além disso, ao contrário de outras paletes como as de madeira, podem ser lavadas após a sua utilização, o que garante que o produto chega com as melhores condições de higiene às fábricas de processamento evitando introduzir qualquer tipo de contaminação do exterior ou maus odores nas salas de confeção.

Fundamentalmente, se utilizan dos tipos de palets en la industria cárnica dependiendo del uso logístico:

  • As que são utilizadas de forma cativa dentro das fábricas de processamento e que portanto nunca saem para o exterior, pelo que muitas empresas do sector escolhem a gama CLEAN da Nortpalet, cujo rendimento, funcionalidade e durabilidade estão amplamente comprovados. Dessa forma, é habitual encontrar produtores que utilizam a gama CLEAN para a entrega do produto final aos seus clientes mais próximos nos casos onde existe um circuito fechado que permite o retorno dos equipamentos à origem.
  • Contudo, muitos produtores utilizam as paletes da gama BASIC da Nortpalet para a entrega de produto finalizado ao distribuidor ou retailer ante a dificuldade de muitas empresas do sector de recuperar as paletes após a sua entrega ao cliente pelo que o custo do equipamento deverá ser muito reduzido.